Condições Gerais

Organização

A organização das viagens publicadas no presente site é da responsabilidade da Strike Tours com sede na Rua Afonso Cordeiro, 687 . 4450-007 Matosinhos, RNAVT n.º 6588, contribuinte n.º 508114632 capital social 7000,00€ e matriculada na 2ª Conservatória do Registo Comercial do Porto.

A Strike Tours é uma marca comercial utilizada pela T&J Pombeiro, Lda. Sociedade inscrita no RNAVT sob o n.º 6588. Nos termos da legislação em vigor a responsabilidade da agência organizadora encontra-se garantida por um seguro de responsabilidade civil na companhia Seguradora Allianz com a apólice n.º 204008945 no montante de 75000,00€. Contribuiu ainda para o Fundo de Garantia de Viagens e Turismo (FGVT – DL 61/2011 de 06 de Maio com a redação que lhe foi dada pelo DL 199/2012 de 24 de Agosto).

Documentação

O cliente deverá possuir em boa ordem toda a sua documentação pessoal ou familiar (bilhete de identidade ou cartão de cidadão, documentação militar, autorização para menores, passaporte, visto, certificados de vacinas e outros eventualmente exigidos). A agência organizadora declina qualquer responsabilidade pela recusa de concessão de vistos ou a não permissão de entrada ao cliente em país estrangeiro, assim como, a não apresentação dos documentos exigidos pelas autoridades aeroportuárias; nestes casos aplicam-se as condições estabelecidas para a anulação da viagem, sendo ainda por conta do cliente todo e quaisquer custos que a situação acarretar.

Horas de chegada e partida

As horas de chegada e de partida em cada cidade estão indicadas em hora local do respetivo país e de acordo com os horários das companhias transportadoras à data da impressão deste programa, pelo que estão sujeitas a alteração. Nas viagens realizadas total ou parcialmente em autocarro, as horas indicadas são aproximadas. Em todos os meios de transporte revelam-se atrasos resultantes de razões técnicas ou outras relacionadas com os próprios meios de transporte, quer com as empresas transportadoras.

Bagagem

A bagagem e demais haveres que o passageiro leva consigo não estão abrangidos pelo contrato de viagem. Entendendo-se, para todos os efeitos que o cliente os conserve consigo, qualquer que seja o local do veículo em que vão colocados, sendo, portanto, transportados pelo próprio passageiro e por sua conta e risco. Recomenda-se, aos clientes, o seguro de bagagem e que estejam presentes em todas as operações de carga e descarga da mesma.

Pagamentos

Os pagamentos deverão ser efetuados por transferência bancária para o IBAN PT50 0018 000332501090020 35 ou em numerário nas instalações da Strike Tours em Matosinhos.

A cada pedido de reserva é atribuído um prazo de pagamento. Os pagamentos efetuados após o fim do prazo de pagamento poderão não ser aceites.

A devolução de quaisquer valores poderá ser efetuada, mas fica sujeita à respetiva “Despesa de alteração”.

Alterações ao preço

Os preços constantes do programa estão baseados nos custos dos serviços e taxas de câmbio vigentes à data de impressão deste programa, pelo que estão sujeitos a alteração que resulte de variações no custo dos transportes ou do combustível, de direitos, impostos, taxas e flutuações cambiais. Sempre que se verifique uma alteração ao preço da viagem, o cliente será imediatamente informado e convidado a, dentro do prazo que lhe foi estabelecido, aceitar o aumento ou a anular a sua inscrição nos mesmos termos e condições que os previstos na rubrica “Impossibilidade de Cumprimento “.

Alterações

Sempre que existam razões que o justifiquem, a Strike Tours poderá alterar a ordem dos percursos, modificar as horas de partida ou substituir qualquer dos alojamentos previstos por outros de categoria similar. Se circunstâncias imprevistas obrigarem a suspender quaisquer viagens, os clientes terão sempre direito ao reembolso das quantias pagas.

Mudanças

Caso seja possível, sempre que um cliente inscrito para uma determinada viagem, desejar mudar a sua inscrição para uma outra viagem ou para a mesma com partida em data diferente, deverá pagar uma taxa como despesa de alteração. Contudo, se a mudança tiver lugar com 30 dias ou menos de antecedência em relação à data da partida da viagem, para a qual o cliente se encontra inscrito, ou se os fornecedores de serviços não aceitarem a alteração, fica sujeito às despesas e encargos previsto na rubrica “Desistências”.

Cessão da inscrição

O cliente pode ceder a sua inscrição, fazendo-se substituir por outra pessoa que preencha todas as condições requeridas desde que informe a agência e que os diferentes fornecedores de serviços da viagem aceitem a substituição. A cessão da inscrição responsabiliza solidariamente o cedente e o cessionário pelo pagamento da viagem e pelos encargos adicionais originados.

Reembolsos

Depois de iniciada a viagem, não é devido qualquer reembolso por serviços não utilizados ou dispensados pelo cliente. A não prestação de serviços por motivos alheios à vontade da Strike Tours, apenas dará ao cliente o direito ao eventual reembolso do seu custo. Quando o cliente solicite alojamento ou quaisquer outros “extras” e esses serviços venham, por qualquer razão, total ou parcialmente a não ser facilitados, o cliente apenas terá direito a ser reembolsado pelos serviços “extras” de que não usufruiu e na proporção do que pagou por estes. Em qualquer dos casos, o reembolso deverá ser solicitado pelo cliente à Strike Tours no prazo máximo de 15 dias após o termo da viagem ou estadia.

Impossibilidade de cumprimento

Se por factos não imputáveis à Strike Tours esta vier a ficar impossibilitada de cumprir algum serviço essencial constante do programa de viagem, tem o cliente o direito de desistir da viagem, sendo reembolsado de todas as quantias pagas ou, em alternativa, aceitar uma alteração e eventual variação de preço. Se os referidos factos não imputáveis à agência organizadora vierem a determinar a anulação da viagem, pode o cliente ainda optar por participar numa outra viagem organizada, de preço equivalente. Se a viagem organizada proposta em substituição for de preço inferior, o cliente será reembolsado da respetiva diferença.

Reclamações

Somente poderão ser consideradas desde que apresentadas por escrito e num prazo não superior a 15 dias após o termo da prestação dos serviços. As mesmas e de acordo com as diretivas do Conselho da CEE, só poderão ser aceites desde que tenham sido participadas por escrito aos fornecedores dos serviços (hotéis, apartamentos guias, agentes locais, etc), durante o percurso da viagem ou estadia, exigindo dos mesmos, documentos comprovativos da ocorrência.

Mínimo de Participantes

Caso não seja atingido o número mínimo de participantes exigido, a Strike Tours poderá cancelar a viagem, notificando o cliente com pelo menos 5 dias de antecedência, não havendo, neste caso, responsabilidade civil da agência pela rescisão.

Grupo – para todos os programas apresentados, ter em atenção qual o número mínimo de participantes exigido. Poderá variar entre 2 e 50 pessoas.

Condições de Reserva

Salvo estipulação escrita em contrário, a inscrição em qualquer das viagens organizadas pela Strike Tours implica a aceitação integral das presentes condições gerais.

Preços

Os preços apresentados são por pessoa e programa/viagem, expressos em Euros e já incluem o Imposto de Valor Acrescentado (IVA).

Condições Específicas

Mediante o serviço que pretende (Aventura ou Música), aconselhamos a leitura das condições específicas de cada área.

Aceitação

A utilização deste site e serviços Strike Tours pressupõe a aceitação das presentes condições gerais.